10
02
10

O relatório completo da necrópsia realizada no corpo de Michael Jackson foi divulgado nesta terça-feira (9), após o indiciamento do médico pessoal do cantor, na segunda, por homicídio culposo. O documento, feito pelo instituto médico legal de Los Angeles, confirma informações sobre a morte de Jackson, em 25 de junho de 2009, e traz curiosidades sobre o cantor, tais como o fato de que ele usava peruca e tinha vitiligo.

O relatório descreve os cabelos na cabeça de Jackson como sendo “esparsos e ligados a uma peruca”. A necrópsia revelou que Jackson apresentava “calvície frontal” e a doença cutânea vitiligo, com manchas brancas especialmente no peito, abdome, rosto e braços.

Ainda segundo o documento, no dia 6 de agosto, um mês antes do sepultamento, a polícia foi ao necrotério onde o corpo de Jackson estava sendo mantido para coletar amostras de cabelo para a realização de exames toxicológicos.

Geraligado – Todo mundo ligado .

Deixe seu comentário

Os comentários do blog, são via Facebook. Para comentar você tem que estar logado lá! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor.