14
08
15

Não são só as pessoas que criam obras engenhosas de arquitetura. No mundo animal muitas criaturas realizam projetos que faria até o mais criativo arquiteto se surpreender.

Vejam abaixo 10 dos mais curiosos projetos do mundo animal

Amicta é um gênero de mariposa pertencente à família Acrolophidae que cria casulos de madeira

Castores são conhecidos por realizarem verdadeiras obras de arte na natureza: diques eficazes que podem enormes verdadeiras represas. A maior barragem já encontrada está localizada no Parque Nacional de Buffalo, no Canadá. Seu comprimento chega a oitocentos e cinquenta metros de comprimento.

Parecendo ser “árvores fantasmas” vindas de filmes de terror estas obras de arte foram feitas por milhares de aranhas. Durante o ano de 2010 , o Paquistão sofreu severas inundações, então milhares de aranhas encontraram refugio nas arvores cobrindo seus galhos e folhas.

Uma aranha australiana construí sua casa de um jeito original, ela torce folhas e as amarra fazendo um casulo, onde aguarda pacientemente uma vítima aparecer.

As vespas buraqueiras constroem uma prisão onde armazenam aranhas vivas para seu futuro consumo. A “prisão” é feita por suas próprias secreções e sujeiras.

Um pássaro chamado Montetsuma constrói essas curiosas esculturas que lembram frutas. Usando ramos vegetais elas tecem cestos que utilizam como seus ninhos.

Esta touceira que parece ser um ouriço também é construído por pássaros , denominados tecelões, e acomodam centenas de indivíduos por gerações.

E nossa lista não poderia faltar o famoso João de Barro que cria ninhos utilizando ramos e barro para fazer um ninho sólido e concreto.
Este ninho é muito curioso, não apenas por seu formato, mas também por ser totalmente construído por saliva de aves. E não para por ai: o ninho serve como uma iguaria, sendo vendido por U$ 2.500,00 o quilo na Ásia.

Esta espécie de vespas constrói seus ninhos usando fibras vegetais e sua saliva.

amicta mariposacasulos de aranhas
Porno
PornoEAdulto

Deixe seu comentário

Os comentários do blog, são via Facebook. Para comentar você tem que estar logado lá! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor.