05
09
12

Sexo tântrico é uma “modalidade” de sexo que busca o sexo sem pressa e proporcionando prazer a todo o tempo. Reza a lenda que vc pode fazer sexo direto por 2 dias com o sexo tântrico. A prática tântrica pode ser realizada por qualquer pessoa que se proponha a tentar alcançar o prazer supremo e prolongado.  Para o sexo tântrico, é necessário um alto nível de concentração que propicia o desapego de toda censura imposta por si mesmo e também aumenta a sensibilidade do erotismo.

1. Uma transa tântrica deve durar pelo menos duas horas. Por isso, exagere nas carícias e treine segurar ao máximo o orgasmo. Por isso, a penetração não deve ser tão breve.

2. Para o tantrismo, existem cerca de 600 mil de pontos a serem explorados no corpo. Então, o negócio é explorar, pois com certeza você não conhece todos.

3. Nada de agressividade e sexo por sexo. Muitos carinhos e romantismo é a regra.

4. Na hora da penetração, nada de pressa. A dica é introduzir apenas dois centímetros e manter o pênis parado por um minuto. Depois tirar e esperar um pouco para repetir.

5. Depois de praticar isso por cerca de 15 minutos (ou mais), as posições começam (veja abaixo). Vá fazendo cada uma delas, depois dê uma pausa e volte às carícias.

6. Esqueça a ideia de que o orgasmo é o objetivo do sexo. Só assim você poderá aproveitar melhor a transa e, na hora do gozo, ele será muito mais prazeroso.

7. Os hábitos de vida saudável e a flexibilidade do corpo são itens obrigatórios para que o casal seja capaz de praticar o sexo tântrico.

8. Previna-se para que vocês não sejam interrompidos, o telefone não vai tocar e nada vai acontecer. Prepare um ambiente com música suave e relaxe…

9. Estudando a fundo a cultura e praticando com perfeição, certamente você terá um orgasmo indescritível. Porém, aprender um pouco sobre o sexo tântrico já é bem eficaz para melhorar o sexo.

10. A pressa é a principal inimiga do sexo tântrico. Duas horas é o mínimo que uma transa deve durar. Porém, não há limite máximo… Por isso, durante a transa, faça pequenas pausas para se recuperar.

Posições para penetração

– O casal começa sentado, um de frente para o outro com os braços apoiados no chão atrás do corpo e a penetração é lenta e não muito profunda

– O próximo passo é a penetração total, ainda na mesma posição, o que exige bastante esforço da mulher, com as pernas bem afastadas. Para facilitar a penetração, ambos ficam bem próximos e com as pernas erguidas. Ainda sentados, os abraços apertados e as carícias são recomendados

– A Postura de Kali é, basicamente, com a mulher sentada de cócoras sobre o homem, movimentando o corpo em círculos. Ele ou ela podem estimular o clitóris para ampliar o prazer

– Ainda com a mulher sobre o homem, ela aproxima do seu rosto os seios e exibe o corpo

– Para ter uma penetração profunda, a mulher pode colocar as pernas nos ombros do homem

– O homem, apoiado no chão, penetra a mulher por trás. É a vez dele dominar a situação.

– O homem deita-se de lado e a mulher, também de costas, abraça a cintura do homem com as pernas. Ele, por sua vez, mantém as pernas unidas entre as dela. Essa é a posição das tesouras

Geraligado – Todo mundo ligado .

Deixe seu comentário

Os comentários do blog, são via Facebook. Para comentar você tem que estar logado lá! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor.