15
06
16

Você sabe o que é seleção artificial? Este processo faz com que os cientistas consigam intervir na genética da planta ou do animal para que tenham características que eles desejam alterar ou adicionar da forma que bem quiserem. Muitos cientistas afirmam que a evolução dos animais tem ocorrido por meio da seleção artificial, mas os excessos no uso desse método foram tantos que alguns deles chegaram a se tornar criaturas mutantes e bizarras. Nossa redação separou para você uma listinha com alguns destes animais que foram geneticamente alterados e tiveram uma forma física que chama bastante a atenção.

1 – Peixe “olho de bolha”

Este peixinho dourado, chamado de Kinguios(no Brasil), com olhos diferentes das outras espécies que você já viu por aí foi fruto de um cruzamento genético defeituoso que acabou deixando-o com olhos em forma de bolhas que se enchem de flúidos.

Ele possui os olhos voltados para cima, a espinha dele é totalmente curvada e não possui a barbatana dorsal. Algumas espécies chegam a possuir saliências carnudas sobre as suas cabeças e, no mais raro dos casos, duas caudas.

2 – Porcos de Meishan
6 monstros terríveis que a ciência criou através da seleção artificial2
Eles são conhecidos por possuírem uma aparência um tanto quanto estranha, de orelhas alongadas e uma característica que os diferencia dos outros porcos: a reprodução. Os Porcos Meishan são uma variação dos companheiros Taihu, originários da China, no Lago Taihu.

Eles possuem uma taxa de reprodução considerada “relâmpago”, pois atingem a maturidade sexual cerca de dois e meio a três meses após a data de seu nascimento.

Eles conseguem dar vida a até 16 leitões, em uma só gestação. A carne é muito gordurosa e muita gente prefere outros tipos de carne de porcos para se alimentar, por conta dos cortes mais magros que eles possuem, em detrimento ao grande reprodutor aqui da lista.

3 – Burro de Poitou – França
6 monstros terríveis que a ciência criou através da seleção artificial3
Ele foi criado pelo homem para ter uma pelagem peculiar. Este animal é originário da França, se chama Burro de Poitou e é considerado uma das maiores raças de burros do mundo.

Eles surgiram por meio de sessões de sexo de burros com dreadlock, aqueles animais com pêlos mais avantajados e espessura diferenciada. Existem hoje cerca de mais de 1000 espécies deles.

4 – A Cabra de Damasco – A mais “bonita” da Arábia Saudita
6 monstros terríveis que a ciência criou através da seleção artificial4
Essas cabras de aparência bastante bizarras são nativas da Síria e também chamadas de cabras Shami, Aleppo e Baladi. Elas são fruto de vários anos de pesquisa e ajustes seletivos feitos pelo homem.

O mais curioso sobre as cabras damascenas é que uma delas já ganhou um concurso de beleza realizado em Riad, na Arábia Saudita, no ano de 2011.

5 – O Pombo-de-Budapeste

Por mais que eles tenham essa aparência um tanto quanto estranha, os Pombos de Budapeste foram criados pelos irmãos húngaros Pöltl, no início do século XX, para se tornarem grandes aves voadoras, com capacidade para permanecer no ar pelo tempo de até cinco horas.

Eles também conseguem alcançar grandes alturas de voo. O motivo de estarem deformados é que eles se alimentam, ainda na fase de filhote, pela mão. A cabeça deles é composta praticamente pelos globos oculares em 75%.

6 – Porquinho da Índia
6 monstros terríveis que a ciência criou através da seleção artificial5
Este porquinho que você vê na imagem foi alterado geneticamente para que tivesse pouquíssimos pêlos no corpo exatamente por ser um animal magro.

Chamados de porcos magros, eles possuem pêlos apenas em regiões do corpo como a parte superior dos pés e envolta da face. Cientistas já alteraram espécies de porquinhos da Índia para que tivessem mais pêlos, como é o caso do porco Texel Guinea.

Deixe seu comentário

Os comentários do blog, são via Facebook. Para comentar você tem que estar logado lá! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor.