15
03
16

Há uma razão pela qual os filmes de terror, casas assombradas e todos os tipos de formas assustadoras de entretenimento são um grande negócio: as pessoas gostam de ficar assustadas.

Uma das belezas (e horrores) da internet é que ela nos dá acesso a tantas coisas inimagináveis. Não importa quais são seus interesses, há uma seção da internet dedicada a esses interesses. Para a curiosidade mórbida de muitos, há uma abundância de sites para alimentar esse tipo de curiosidade.

Você já acessou a internet e se deparou com uma foto que era perturbadora? Eu não estou falando sobre “fantasmas” e Ovnis. Estamos falando de fotografias de momentos da vida real que, por qualquer razão, se tornaram verdadeiras tragédias.

1- Vladimir Komarov

Em 1967, o cosmonauta russo Vladimir Komarov foi encarregado de uma missão na órbita da Terra. Gagarin tinha inspeccionado a nave de Vladimir e descobriu 203 problemas estruturais, mas ele foi a bordo da missão mesmo assim. As avarias começaram logo que a embarcação começou a orbitar a Terra. Antes de morrer, ele falou com o Premier russo, com a sua esposa e seus filhos. A foto acima é de tudo o que restou de Vladimir depois de sua missão fatal.

2- Sombras de Hiroshima

O bombardeio atômico de Hiroshima, Japão, é um dos incidentes mais notórios da história. O número de mortos está em algum lugar na faixa de 90.000 a 166.000 pessoas, com metade dessas mortes ocorrendo no primeiro dia. Nós não vamos entrar a política do bombardeio, mas em vez disso, vamos olhar para os efeitos posteriores.

Quando a bomba chamada “Little Boy” foi detonada, houve uma intensa “explosão brilhante”, que parcialmente consistia em radiação. Uma pessoa que estava perto da parede de um edifício poderia ter obstruído a luz apenas por tempo suficiente para que nenhuma radiação atingiu a parede atrás dele.

Quando o flash atômico bateu nas paredes em torno de onde a pessoa estava de pé, ele carbonizado as paredes, mas no local onde a pessoa estava de pé, não houve o mesmo nível de descoloração. O que você vê é a sombra permanente que foi deixada pelas vítimas.

3- Classe de Columbine

O Massacre de Columbine, que aconteceu 1999 viverá na história como um dos tiroteios em escolas mais terríveis de todos os tempos. Foi ele que trouxe a atenção mundial para questões como o bullying, o controle de armas e saúde mental entre adolescentes. Os dois meninos que mataram seus colegas, Eric Harris e Dylan Klebold, eram um psicopata e um maníaco-depressivo, respectivamente.

Esta foto, tirada em 1999 apenas algumas semanas antes do tiroteio, mostra os autores dos assassinatos no canto superior esquerdo da foto, fingindo apontar armas para a câmera. Para aqueles que viram a imagem antes da tragédia, pareciam apenas adolescentes jogando conversa fora, como de costume.

4- Bombardeio de Omagh

Imagine caminhar ao longo de uma rua da cidade, passeando com a sua filha mais nova quando você decide tirar uma foto. Sem o seu conhecimento, a poucos metros de distância de onde você parou para a foto, um carro vermelho aparentemente inócuo é preenchido com explosivos mortais.

Em agosto de 1998, o IRA, um grupo terrorista dissidente, orquestrou uma explosão de um carro em uma rua de Omagh, Irlanda do Norte. O bombardeio foi um protesto ao cessar-fogo do IRA e matou 29 pessoas e ferindo mais de 220. Foi o mais mortífero ataque na região. A imagem acima foi encontrada em uma câmera retirada dos escombros.

5- Blanche Monnier

A imagem mostrada aqui se parece com uma foto promocional de um filme de terror. Mas, infelizmente, a imagem é real e a história por trás é muito mais assustadora. Os Monniers eram uma família de classe média-alta que viviam em Poiters, França no final de 1800. A filha, Blanche, desapareceu quando ela tinha 25 anos de idade, despertando nenhuma suspeita.

Uma carta anônima foi enviada para o Procurador-Geral de Paris dizendo: “Monsieur Procurador-Geral: Tenho a honra de informá-lo de uma ocorrência de excepcional gravidade. Falo de uma solteirona que está trancada na casa de Madame Monnier, faminta e vivendo em uma maca podre durante os últimos vinte e cinco anos”.

A polícia a encontrou trancada em um quarto, coberta de sujeira e excrementos, pesando apenas 30 quilos, sem nunca ter visto o sol em 25 anos. Sua mãe e irmão a trancaram para evitar seu casamento com um homem que eles consideravam inapto para se juntar a sua família. Ela morreu em um hospital psiquiátrico 13 anos depois de ser libertada de seu próprio inferno pessoal.

6- O último de banho de Travis Alexander

Em 2013, o julgamento de Jodi Arias foi manchete em todo o mundo. A ex-namorada de Travis Alexander foi acusada, julgada e condenada por assassinato em primeiro grau pela morte dele em 2008.

O assassinato ocorreu em junho do mesmo ano, quando o corpo de Alexander foi encontrado em seu chuveiro. Ele havia sido esfaqueado mais de 25 vezes, teve a garganta cortada e sofreu um ferimento de bala na cabeça. A polícia começou a suspeitar de Arias devido a relatos de que Travis estava tentando romper com ela e ela tinha começado perseguir

7- O alpinista abandonado
Dois amigos de 22 anos, Saylor Guilliams e Brenden Vega, caminhavam juntos em Santa Barbara County, Califórnia. O caminho que tinham escolhido não estava muito bem iluminado e os dois caíram e se feriram. Após horas de gritos, Vega deixou seu amigo para ir procurar ajuda. Ao longo do caminho, o jovem tropeçou em um penhasco rochoso e caiu para a morte.

No dia seguinte, um grupo caminhantes estavam na área tirando fotos de sua aventura. Sem o conhecimento deles, Guilliams estava no fundo das imagens, deitado de bruços na lama, incapaz de se mover, com dois tornozelos quebrados e várias outras fraturas expostas. O desespero de ver ajuda tão perto, mas infinitamente distante deve ter sido esmagadora. Os caminhantes eventualmente encontraram Saylor e ele foi resgatado e se recuperou, mas a perda de seu amigo é algo que nunca será esquecido.

8 imagens nao vao te deixar dormirAh que é isso não é barbaeric e dylan certosimagens de eric e dylan mortos
Porno
PornoEAdulto

Deixe seu comentário

Os comentários do blog, são via Facebook. Para comentar você tem que estar logado lá! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor.