07
10
14
Ah, a infância. O Geraligado se lembra da dele com muito carinho. E esse tipo de infância não existe mais, infelizmente. Com tudo o que mudou na última década, uma grande parte de tudo o que nós experimentamos quando éramos mais jovens será perdida nas gerações mais novas. Claro, você pode ensinar a seus filhos sobre o passado quando estiver se sentindo nostálgico(a). Mas com a prevalência da tecnologia de hoje, nada nunca vai realmente ser igual ao que era antes.
Nesse post, você verá pequenas coisas, objetos, tendências e atos que simplesmente não são relevantes para as crianças de hoje em dia, e muito menos para as do futuro. Dê uma olhada nessa lista de elementos do passado que com certeza lhe encherão de saudades dos velhos tempos. Confira:
CUIDAR DO SEU TAMAGOTCHI
Coisas que as novas gerações nunca entenderão de verdade

SOPRAR EM CARTUCHOS DE VIDEOGAME PARA FAZER O JOGO FUNCIONAR
Coisas que as novas gerações nunca entenderão de verdade

O ADORADO CARD GAME DE POKÉMON
Coisas que as novas gerações nunca entenderão de verdade

NÃO PODER VISUALIZAR INSTANTANEAMENTE AS FOTOS TIRADAS
Coisas que as novas gerações nunca entenderão de verdade

TER QUE CONSULTAR O ENCARTE DO CD PRA CONHECER AS LETRAS DAS MÚSICAS
Coisas que as novas gerações nunca entenderão de verdade

BRINCANDO COM UM VIEW-MASTER
Coisas que as novas gerações nunca entenderão de verdade

TIRAR A BOLA DO MOUSE
Coisas que as novas gerações nunca entenderão de verdade

BAIXAR MÚSICAS NO LIMEWIRE
Coisas que as novas gerações nunca entenderão de verdade

ESTA RELAÇÃO ÚNICA
Coisas que as novas gerações nunca entenderão de verdade


ESSES PASSARINHOS MÁGICOS
Coisas que as novas gerações nunca entenderão de verdade

BRINCAR COM SKATES DE DEDO
Coisas que as novas gerações nunca entenderão de verdade

MEMORIZAR NÚMEROS DE TELEFONE
Coisas que as novas gerações nunca entenderão de verdade

BONEQUINHOS TROLLS

Coisas que as novas gerações nunca entenderão de verdade

Geraligado – Todo mundo ligado .
Coisas sobre TaMaGotchis

Deixe seu comentário

Os comentários do blog, são via Facebook. Para comentar você tem que estar logado lá! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor.