22
05
10

Engraçado – Como sacanear os Homens

Video – Tragico acidente com pessoas viajando na cacamba (imagens fortes)

Sexo – Loira Vs Morena. Visão de Homem

Bizarro – Mente Poluida

Engraçado – Os 10 Homens famosos mais desprovidos de beleza do Brasil

Pura verdade – Coisas que só os homens conseguem fazer

Porno – Atrizes pornôs interpretando Shakespeare

Imagens – Cagando tijolos na vida real

Ri bagaray – Bronzeamento Fail

Revista – Profº ensino fundamental sai na Playboy

Videos – Foi mexer com quem tava quieto e levou nas bolas… Literalmente!

Transar – O que os ateus gritam na hora do Sexo

Literalmente – Sexta feira é dia de Dorgas

Engraçado – A sua hora chegou !!

Engraçado – Quem nunca fez isso

Lista – 10 Coisas Que Você Provavelmente Não Sabia

Cenas fortes- Mais um acidente de moto (+18)

Cenas fortes- Execução no Libano (+18)

Pense nisso – Antes e depois do casamento

Na TV – Curiosidades sobre a série “Todo Mundo Odeia o Chris”

FAIL – Desastres do Photoshop [Parte 2]

Zura.com.br

Twitters:   @geraligado   |    @letinholima     @ericamalukete

Insoonia You Toba

Geraligado – Todo mundo ligado .

21
05
10
Obs: O texto a seguir contêm palavras que alguns moralistas leitores podem considerar “ofensivas”, então continue por sua conta e risco.

Há vários sinônimos para ato de copular, porém maioria deles tem uma interpretação diferenciada. “Fazer amor” e “foder” é bem diferente não concorda? O fato é que, é necessário termos noção de quando usar cada um deles. A linguagem para conversar com a sua mãe não pode ser a mesma que você usa com sua roda de amigos. (Espero que não tenha que conversar com sua mãe sobre isso, mesmo escolhendo cuidadosamente as palavras é constrangedor.)

Fazer Amor: O termo usado principalmente por casados. Fazer amor é elegante e (vamos considerar) o mais romântico também, mas ficou obsoleto no dia-a-dia. Quem ainda diz (entre homens e mulheres solteiros) “fazer amor”? É usado em poesias, em textos, em conversas matrimoniais e só. Tirando os homens e mulheres que são românticos, esse termo é arcaico.
Em uma frase: “Minha mãe e meu pai, fazem amor”.

Sexo: O termo mais científico, e o mais comum. Isso deve ao fato de ter mais significados do que somente o “ato de fazer sexo”. É usado como sinônimo de genitália, também usado como gênero (masculino e feminino). Além das suas várias derivações com significados diferentes: Sexy, sexual, sexista,… É um dos termos neutros, não demonstra machismo, ou falta de respeito.
Frase: “Não há nada melhor que sexo!”

Transar: Outro termo neutro. Arrisco dizer que é o mais usado em conversas entre os sexos opostos. Não é tão “técnico” quando sexo, e nem tão “careta” quanto fazer amor. A melhor escolha quando se deve demonstrar imparcialidade, respeito, você não fica parecendo um médico, nem tão pouco um cafetão. Não contêm tantas variações ou sentidos, por isso se torna bem específico. Ficou em dúvida de qual palavra usar, recomendo esta!
Frase: “Amiga, aposto que ele só quer transar.”

Foder: Um termo feio, palavrão por sinal. É daqueles que quando você falava, sem nem saber o que era, sua mãe lhe brigava e se negava a explicar o que significa, ou o porque da surra.

Vai entender! Muitas mulheres não gostam dessa palavra e preferem não usar. Exceto na hora do sexo em si, porque convenhamos é difícil o clima ficar interessante com sua parceira dizendo: “Isso amor, penetre seu órgão enrijecido na no meu canal vaginal, ele está todo lubrificado e cheio de muco”
Também é muito usado com outros significados, ser bom: “Eu sou foda!”, ser otário: “Esse cara é foda!, futura punição: “Esse cara tá fodido”, ofensa: “Vai se foder”, entre vários outros.
Frase: “Isso safado, me fode gostoso!”

Comer: Esse é até considerado machista, pois é usado principalmente entre homens, é como uma comprovação do ego masculino. Entre roda de amigos é bastante comum frases como: “Sabes a Roberta? Já comi!” Se pararmos para pensar, no sexo se alguém “come” alguma coisa, esse alguém é a mulher. Vou tentar exemplificar de uma forma inocente: Nós (homens) colocamos a nossa salsicha entre os lábios femininos. Precisa de algo mais? E pelo menos as mulheres que eu conheço, odeiam esse termo. É grosseiro!
Mas esteja certo, que se você usar outra palavra entre seus amigos (machos) poderá ser alvo de gozação.

Trepar: Esse termo é normalmente usado por homens homossexuais, você têm algum amigo veado? Pergunte para ele. O uso desse termo entre heterossexuais é quase nulo, não sei o porquê desse termo. Porque não sou veado ainda.
Ps. Antes que os moralistas me ataquem de novo, vou deixando claro! Não sou homofóbico, e quando falo que “Comer” é usado principalmente por homens, “trepar” se enquadra no mesmo raciocínio.
Frase: A Trepada de ontem, NOSSA!

Surra de piroca/boceta: Esse é meio estranho, não é? Vou explicar para quem não conhece o termo. É usado por homens, principalmente. Quando uma uma mulher é muito mais experiente do que um homem (moleque no caso) diz-se que ela vai “dar uma surra de boceta” nele. E o mesmo acontece quando o homem é mais experiente, ou muito bem dotado. É simplesmente a relação que ocorre quando há uma grande diferença de experiências, ou de idade, (e também pra quem enfrenta um pênis de 30cm). É um termo pouco usado, e não tenho certeza se é regionalismo, mas por via das dúvidas comentei sobre ele.
Frase: A Bruna é casada, e têm dois filhos! Tu tens 16 anos cara, ela vai te dar uma surra de boceta!!

Geraligado – Todo mundo ligado .

20
05
10
Hoje eu estava navegando pela Internet e axei essas dicas de como excitar o seu parceiro indiretamente. Axei bem legal, Tenho certeza que funciona, se não funcionar troque de parceiro por que esse ai deve ter algum pobrema psokoapkoskoapkos.

Morder – Uma técnica milenar, mistura dor e prazer. Mas NÃO, arranque o pedaço.

Olhar – Aquele olhar 43. Onde você foca o alvo (esse precisa de um acompanhamento natural).

Lamber os lábios – Passar a lingua nos lábios, devagar e provocante é demais! (Ótimo para misturar com o olhar).

Perfume –  Temos uma tara por perfume. Mas não é aquele que você compra, é o cheiro de pele mesmo! Não de suor, mas o cheiro característico da pessoa. Como não podes mudar, o máximo que podes fazer é deixar ele cheirar seu pescoço, para ficar alterado pelo seu perfume.

Dançar – Rebolar até o chão, se acariciar em quanto dança. Só preste atenção para não fazer um show para 20 caras, e parecer uma puta!

Pescoço – Beijar o pescoço é uma técnica até comum. Mas por incrível que pareça, não são todas as meninas que tomam a iniciativa de ir para o pescoço do rapaz. Conheço gente que fica arrepiado só de encostar no pescoço…

Arranhar – Essa também é um pouco “peculiar”. Arranhe com carinho, mas não “fazendo carinho”. Ou seja, só não faça sangrar. Mas uma mulher que te arranha é legal sim!

Cabelos – Uma coisa que sempre me fascinou. Cafuné. Mecha no cabelo, puxe, controle-o. Deixe-o Descabelado!

Orelhas – Um ponto pouco explorado, mas com um potencial extremo, afina, se eu não me engano existe massagem só para orelha, para eliminar dores no corpo todo, enfim. Morda, passe a língua, beije. Não meta a língua, não faça nada muito “babado” , pode ficar estranho, parecer que estás fazendo “sexo oral” na orelha dele.

Falar no ouvido – Somado as carícias, é uma ótima pedida. Principalmente coisas “safadas”, bem perto do ouvido…

Gemer – Ok, você não está gozando para gemer. Mas demonstre que estás gostando, Ex: Quando ele apertar sua cintura com força, fale algo como “aiiihh” no ouvido dele. É tiro e queda!

Chupar o dedo – Essa é quase diretamente, chupar o seu dedo de longe é foda. Melhor ainda, e você chupar o dedo dele! Isso, com as mesmas dicas da orelha, não cuspa, babe, esfregue no seu rosto. NÃO é sexo! É só insinuação.

Obs: Isso não se aplica a todos os homens, pelo simples motivo de homens tem gostos diferentes… Não me responsabilizo por efeitos colaterais.

Geraligado – Todo mundo ligado .