07
03
17

A Terra tem mudado de uma forma que tem surpreendido estudiosos e cientistas que a acompanham. Você sabia que a central da Nasa na Terra mandou uma equipe em missão a marte e encontrou água por lá?

Confira mais alguns segredos:
1 – O mau tempo é sempre um grande desafio para eles

De acordo com o patrulheiro de vôo da ISS Pat Patterson, que trabalha na Marshall, mas faz parte da equipe de Controle da Missão em Houston, um de seus maiores desafios é lidar com o tempo.

Segundo publicação feita em fórum no Reddit AMA, “desde que nossa sala de controle funciona 24 horas por dia, 365 dias por ano, e estamos no Alabama, até mesmo a neve e o gelo podem resultar em problemas para chegar e voltar do trabalho. Quando os furacões fecharam o Controle de Missão no JSC em Houston, os principais controladores de vôo vêm até aqui para usar uma sala de controle de backup.”

2 – Eles são acostumados com siglas

Para ser um controlador, você precisa ser bom com siglas. Os controladores de vôo falam e pensam abreviaturas em seus consoles o tempo todo e costumam descrever o significado delas.

3 – Eles passam muito tempo mexendo com papeis e relatórios

Em publicação do Quora, o controlador de vôo da NASA Robert Frost conta que “grande parte do trabalho de um controlador de vôo é a papelada, a integração e a coordenação que acompanham essa papelada.” O trabalho deles é monitorar continuamente os dados dos equipamentos no espaço e certificar-se que cada equipamento está funcionando perfeitamente.

4 – Eles não recebem muita vitamina D no corpo

Como eles estão acostumados a trabalhar em uma sala escura, vendo apenas a luz artificial que é emitida por seus monitores, eles obtêm pouca vitamina D. Segundo o controlador Honey, “não precisamos sentrar dentro do Controle de Missão, há momentos em que podemos fazer uma pausa e saio, muitas vezes, para fazer uma curta caminhada para receber raios de sol.”

5 – Eles são muito jovens

De acordo com a engenheira de sistemas de veículos da NASA, Holly Griffith , que trabalhou como controlador de vôo para o sistema de energia elétrica do vaivém espacial no Johnson Space Center de 2004 até 2012, as pessoas ficam surpresas ao saber quão jovens a maioria dos controladores de vôo são. “Eu tinha 25 anos quando comecei, e a maioria dos meus colegas tinham idades semelhantes”, em entrevista ao mentalfloss.

6 – Eles possuem grandes habilidades comunicacionais

Os controladores de voo são engenheiros e responsáveis por colocar em prática uma quantidade enorme de conhecimento técnico, além de buscar trabalhar uma boa habilidade de comunicação com a equipe. Segundo Griffith, “para um trabalho na engenharia, a comunicação era tanto uma parte importante do trabalho quanto o conhecimento técnico.”

7 – Eles mesmos ficam impressionados com a grandeza de seus trabalhos

De acordo com o controlador Hall, “às vezes, é realmente louco pensar sobre o que realmente fazemos para ganhar a vida. Às vezes saímos e vemos a ISS voar ao entardecer. Nós as vemos voar através do céu da noite como uma estrela realmente brilhante, e então nós podemos ir dentro de nosso centro de controle assistir ao vídeo ao vivo de dentro desse ponto brilhante de luz e ver os astronautas flutuando e realizando experimentos científicos. Realmente mexe com sua mente!”

Deixe seu comentário

Os comentários do blog, são via Facebook. Para comentar você tem que estar logado lá! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor.