16
06
16

Não é de hoje que sofremos assistindo filmes e séries, tem coisa mais triste do que ver aquele personagem que você adora morrendo? Mesmo fazendo sentido na história, muitas vezes é difícil aceitar que aquele personagem não vai mais aparecer. Quem podemos culpar por todo esse sofrimento são os roteiristas, que muitas vezes passam por problemas pessoais com os atores ou simplesmente para que tal tragédia dê um up na trama. Confira, As cenas que partiram o meu coração, e sei que partiram os seus tbm….

 

1- Jack em Titanic
Morrtes na TV e no cinema partiram nosso coração
Sim, sabemos que é um clichê, mas quem não se lembra desta cena? O choro foi livre.

2- Mufasa em O Rei Leão
Morrtes na TV e no cinema partiram nosso coração2
Quem disser que não chorou nessa cena está mentindo! A morte de um pai, ainda que no desenho animado, destrói qualquer coração de pedra.

3- Lori Grimes em The Walking Dead
Morrtes na TV e no cinema partiram nosso coração3
Em matéria de morte, TWD só perde para Game of Thrones. Mas a morte de Lori não aconteceu como todos esperavam, mordida por um zumbi, ela morre no parto e para não se transformar, leva um tiro na cabeça dado por seu próprio filho.

4- John Coffey em A Espera de um Milagre
Morrtes na TV e no cinema partiram nosso coração4
Ele foi preso e condenado à morte injustamente, acusado de estupro e assassinato. Uma cena forte e dolorosa.

5- Marley em Marley e Eu
Morrtes na TV e no cinema partiram nosso coração5
Era um labrador lindo e bagunceiro, morre em uma cena emocionante de eutanásia.

6- Thomas Sennett em Meu Primeiro Amor
Morrtes na TV e no cinema partiram nosso coração6
Um garotinho alérgico a quase tudo, morre picado por abelhas tentando resgatar o anel de sua amiga.

7- Jamie Sullivan em Um Amor Para Recordar
Morrtes na TV e no cinema partiram nosso coração7
Uma garota simples e apaixonante, morre vítima da leucemia, e deixa seu amor sem chão.

Porno
PornoEAdulto

Deixe seu comentário

Os comentários do blog, são via Facebook. Para comentar você tem que estar logado lá! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor.