16
10
13
Marcas famosas que cometeram grandes gafes em comerciais recentemente. Nos primeiros meses deste ano ações de marketing ou de publicidade colocaram marcas de renome como Nike, Gilette, Devassa e Rede Globo em situação delicada. Veja quais foram as campanhas que deixaram as gigantes de saia justa.
Gilette
Para incentivar a depilação masculina a marca criou uma campanha com o mote “Quero Ver Raspar”. Teve até participação o rapper sul coreano Psy, além de Sabrina Sato e as gêmeas atletas Bia e Branca Peres. A propaganda não agradou e foi parar no Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária). Isso porque 15 consumidores – 14 homens e uma mulher – que consideraram o filme preconceituoso, e que retratava os homens peludos como “primitivos” e nojentos”, resolveram denunciar.

Nike

A marca foi obrigada a tirar às pressas do ar um anúncio que mostrava uma foto do atleta correndo na pista ao lado da frase “Eu sou uma bala no cano do revólver”. A referência à velocidade do corredor acabou se tornando uma piada de mau gosto depois que o corredor Oscar Pistorius, foi acusado de matar a tiros a namorada na África do Sul. Além de suspender o comercil, a Nike anunciou, na sequência, a retirada do patrocínio do atleta.


Rede Globo

A rede de TV colocou uma mensagem no Twitter que convidava os seguidores a criar uma lápide virtual como parte da promoção da série “Pé na Cova”. Só que a publicação foi logo após a tragédia na Boate Kiss, em Santa Maria e por causa disso o post foi mal recebido pelos internautas, que criticaram a “falta de sensibilidade” e o “momento inapropriado”. A emissora retirou o anúncio logo depois.

Volkswagen

A Volkswagen causou indignação nas redes sociais por causa do comercial “Superstição”. O filme fazia alusão à crença popular que associa gatos pretos à falta de sorte e recebeu duras críticas de donos de gatos e protetores de animais. A marca teve de tirar as pressas a propaganda depois de tomar conhecimento da repercussão e das estatísticas que mostram que gatos pretos são caçados apenas por superstição.

BlackBerry

Menos de 15 dias após ser nomeada diretora de criação da BlackBerry, a cantora Alicia Keys foi flagrada usando um iPhone. Isso mesmo! A artista publicou um tuite a partir de um aplicativo disponível apenas para iOS. Na sequência da gafe, Alicia justificou-se insinuando que talvez sua conta no Twitter tenha sido hackeada. Hum, sei…

Devassa

O comercial “Tenha sua primeira vez com Devassa”, que apresentou Alinne Moraes como nova musa da cerveja, também foi parar no Conar. O processo surgiu após dez denúncias de consumidores que questionaram a “associação da cerveja à iniciação sexual”, e acusaram a peça de estimular jovens a “assumir um comportamento de risco”.
Geraligado – Todo mundo ligado .
grandes gafesGrandes gafias

Deixe seu comentário

Os comentários do blog, são via Facebook. Para comentar você tem que estar logado lá! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor.