20
09
10

1- “Não gosto do meu corpo”
Você olha para o seu corpo e acha que ele está muito longe de ser o das atrizes das novelas? Não faça isso com você mesma! Ficar se comparando com outras mulheres faz com que você tenha cada vez mais vergonha de ir para a cama com seu companheiro. E, o pior, logo você acabará reprimindo seu próprio tesão! Ame-se como é. Uma mulher alegre e confiante age como um ímã para os homens.

2- “O sexo virou rotina e não tenho vontade de fazer”
Rotina, Típica dos casais que estão juntos há muito tempo, a reclamação de que o sexo caiu na mesmice acaba se transformando num incômodo para os dois. Os problemas do dia a dia e a falta de empenho do casal em manter o sexo estimulante são as principais desculpas. Que tal deixar a rotina (e as queixas) um pouco de lado e fazer uma surpresa bem maliciosa para ele?
 Falta vontade, Vários motivos podem levar à falta de vontade: estresse, excesso de trabalho e até mesmo doenças como pressão alta e problemas cardiovasculares. O sedentarismo também é um vilão. Sofre de algum desses males? Marque já uma consulta com um cardiologista.

3- “Sinto dor durante o sexo”
Duas em cada três mulheres já se queixaram de dores durante o ato sexual. Na maioria das vezes, esse incômodo pode ser evitado se o parceiro fizer preliminares bem caprichadas. Algumas dores também podem ser consequência de crise no relacionamento. Se você não se encaixa em nenhum desses casos, confira com um ginecologista se corre o risco de ter um mioma.

4- “Não consigo me soltar…”
Raiva do parceiro, mágoa, depressão, medo de engravidar, culpa em relação ao sexo, antigas experiências ruins. Tudo isso (e muito mais) pode prejudicar sua satisfação sexual. Essas preocupações geralmente causam desânimo e desinteresse e afetam a produção e a liberação dos hormônios sexuais, essenciais para você se liberar na cama. Tire suas dúvidas emocionais com um psicólogo.

5- “Nunca tenho orgasmos e nem fico excitada”
Falta de orgasmo , Essa é a queixa número 1: mesmo quando sente vontade de fazer sexo e está excitada, você tem dificuldade em chegar ao clímax. “Em geral, isso é consequência de uma educação sexual repressiva”, diz Margareth. Bebidas alcoólicas, tranquilizantes e remédios para hipertensão também podem atrapalhar o prazer. Converse com seu ginecologista.
Falta de excitação, Muitas vezes, a culpa é da pouca atenção dada pelo parceiro às carícias iniciais. Também pode ser consequência do excesso de preocupação em atingir o orgasmo, ou agradar ao amado. Para aumentar sua excitação, converse sobre o que você sente com ele e diga como gostaria de ser tocada. Se nada disso adiantar, o ressecamento vaginal pode indicar o início da menopausa ou de doenças na tireoide, como hipotireoidismo ou hipertireoidismo. Consulte um médico.

Geraligado – Todo mundo ligado .
empacotador de figurinhasempacotador de figurinhas quantas figurinhas aí meu pacote

Deixe seu comentário

Os comentários do blog, são via Facebook. Para comentar você tem que estar logado lá! Lembre-se que o comentário é de inteira responsabilidade do autor.